Reinaldo Antonio Rocha

Drico Mariano – São Paulo, 08 de Junho de 2020.


Fonte: Internet

Hoje ele se denomina como Reinaldo Rocha, dando continuidade a sua carreira musical.

E pra vocês puxarem na memória, estamos falando nada mais, nada menos de Reinaldinho, ele tocava um instrumento musical de marcação o tam-tam, é ex-integrante do Grupo Sensação.

E pra chegar aonde chegou tem que ter uma boa estrela e competência.

Sua história começa em 1984, um músico que de praxe frequentava muitas rodas de samba em São Paulo, junto a muitos bambas, como por exemplo: Bar do Osvaldão na Consolação, Roda de Samba da Vergueiro, Bar do Pelé na rua Santo Antônio no bairro da Bela vista, onde se reunia a nata do samba.

Foi quando surgiu uma oportunidade e Reinaldinho percebendo que seria de muita valia e de ouro a tal situação, de cara aceitou o convite para viajar em 1986 aos 21 anos de idade, indo conhecer outro país, era a oportunidade que muitos músicos no dia de hoje gostaria de ter, rumou pra Argentina, destarte trabalhando com muitos músicos de qualidade e também com o maestro conhecido como “Bola“, este foi regente da Orquestra do SBT, e pelo decurso de seis meses teve o prazer e muito aprendizado de estar ao lado de exímios músicos.

E as oportunidades continuaram, em seu retorno ao Brasil depois de uma viagem internacional, pintou a oportunidade de participar da Ala de Compositores da Escola de Samba Camisa Verde e Branco, e nessa esteira participou de várias finais de samba de enredo na verde e branco, ao lado de vários ícones do samba, onde ele mesmo vinha a se tornar um deles, como: Arlindo Cruz, Cleber Augusto, Vicente Paulista, Douglas Sampa e muitos outros.

Outra de suas grandes vitórias foi ter participado e com muito sucesso do GRUPO SENSAÇÃO, um dos maiores grupos de samba do Brasil. Ronaldinho começou a participar do Grupo Sensação, quem não se lembra do BOTEQUIM DO CAMISA VERDE E BRANCO, isso mesmo foi lá onde deu continuidade a sua carreira e em grande estilo.

Permaneceu uns 10 anos no GRUPO SENSAÇÃO, onde teve a oportunidade de gravar duas coletâneas e cinco CD’s, como compositor, músico e interprete.

O GRUPO SENSAÇÃO teve a alegria de gravar algumas músicas composta por Reinaldinho em parceria com grandes compositores, sendo as músicas: Um Dia, Namor, Solidão Nunca Mais e Descobri o Mundo.

E por competência deste artista e compositor, ainda teve as suas obras e canções gravadas por outros grandes músicos sendo eles: Arlindo Cruz, Sobrinha, Grupo Sampa, Grazzi Brasil, Marquinhos Jaca, Maurinho de Jesus, Grupo Recomeço, Fora de Série, Feliz da Vida (Vila Carolina do Norte), Jorge Neiva (Rio de Janeiro) e outros.

Ainda não acabou. Como músico teve o privilégio de acompanhar alguns dos grandes intérpretes da música popular brasileira, sendo eles: Ivone Lara, Almir Guineto, Branca de Neve, Jovelina Pérola Negra, Reinaldo Príncipe do Pagode, Leci Brandão, Elza Soares, Yara Rocha, Marquinhos Satã, Jamelão, Jair Rodrigues, Paulo Vanzolini, Seu Zezinho do Banjo, Boca Nervosa e Nereu do Trio Mocotó.

Atualmente está cuidando de sua carreira solo em seu PRIMEIRO e NOVO TRABALHO, com a MÚSICA “AMOR MAIOR“, composição própria em parceria com Marcelinho Silva e Maurinho de Jesus.

Obra que já se encontra em todas as plataformas digitais, atingindo um grande contingente amigos, familiares e fãs, sempre resgatando a nossa etnia, a nossa cultura popular brasileira.

Contatos com o Colunista:
E-mail: dricomariano@revistacavaco.com.br