Marcelo Lacerda é músico, escritor, percussionista do Grupo Samba Mor, nasceu em Guarulhos, durante o carnaval de 1976, em um hospital chamado Brasil.

Começou a tocar pandeiro aos 15 anos, teve diversos professores, um deles foi o Timóteo ex diretor de bateria do interior paulista, aos 16 já tocava na noite, nos anos 90 tocava em diversas casas de Guarulhos como: W Brasil, Grafite, Belizas, Clube dos Metalúrgicos, calçadão da UNG, entre outras. Participou de diversas apresentações e viagens através da secretaria de cultura e foi frequentador dos sambas memoráveis da cidade , como o Tia Redonda, Belatrix , Lanchonete do Dom Paulo, Zé Padeiro, Lava-rápido Bahia, Bar do Jorjão, etc.

Folião de blocos do litoral paulista , saiu pelo menos 8 anos no bloco da perereca e foi no litoral também que teve sua primeira experiência como ritmista na Escola de Samba Quero Quero de ilha comprida .

Apesar de frequentar as quadras paulistanas desde os anos 90, somente em 2020 Marcelo estreou no carnaval de São Paulo como ritmista na bateria do GRCSES Acadêmicos do Tucuruvi .

Sempre defendendo a bandeira do samba, espera poder trabalhar pela nossa cultura popular, trazendo informações e resgatando a memória de grandes músicos de Guarulhos.

Marcelo Lacerda

Contatos com o Colunista:
E-mail: mlacerda@revistacavaco.com.br

Alô Comunidades!!

Vai Fazer live?